meo nunca mais

  • 30 Dezembro 2016
  • 9 respostas
  • 2203 visualizações

Reputação 3
fui cliente meo (primeiro cabo, depois fibra) mais de 7 anos e, desde maio, por mudança de residência, passei para meo satélite. Desde então, as chatices são mais que muitas, imensas as horas perdidas ao telemóvel a falar com o apoio ao cliente e a paciência esgotou.


Tudo começou na chamada em que solicitei a alteração da morada do serviço. A senhora que me atendeu disse que iria ter adsl, com velocidades até 24mb. no dia em que me instalaram o serviço, o técnico disse que era tecnicamente impossível ter mais do que 4mb...até 24mb não é até 4mb...bem sabemos o peso do conteúdo atual da internet e 4mb são ridículos...adiante...


Na alteração do contrato, tiraram-me uma série de serviços e vantagens, como 2gb de internet nos telemóveis, meo go multi, etc...lá tive que ligar para o apoio ao cliente para que "devolvessem" os direitos que fui adquirindo ao longo do tempo.


Agora vem a parte mais ridícula e que me fez desistir da meo (logo que os dois anos de fidelização terminem). Descobri que a meo tem o serviço "meo sem fios", que basicamente é um router que funciona por 3G/4G. Ora, tendo eu cobertura 4G na zona, era a solução ideal para contornar a velocidade (ou falta dela) no ADSL. Liguei para o apoio ao cliente, e depois de ter rodado todos os departamentos (apoio geral, apoio técnico, departamento comercial, gestão de contratos), foi-me dito, primeiro, que era possível ter o tal router e, no departamento comercial, já me foi negada tal possibilidade. e qual a justificação? tal serviço sem fios só está disponível para clientes M4O, e não para M5O (como eu). Portanto, pago mais, mas tenho que me contentar com ADSL. Já o meu vizinho do lado, porque é M4O e paga menos, pode ter 4G e velocidades de 15/20mb no mínimo...faz sentido.


Depois de muito insistir, explicaram-me que não podia ter o router 4G porque já tinha uma internet móvel e não era possível ficar com dois serviços de internet 4G...Agora vem a parte em que convém sentarem-se para não cairem ao chão a rir...O departamento de gestão contratual, "para diminuir a minha insatisfação", propõe-me uma pen de internet móvel com 30gb para usar em alternativa ao ADSL...risada...Quer dizer: não posso ter o router sem fios por 4G porque já tenho uma internet móvel. Mas no fim oferecem-me uma pen de internet móvel??????Mas esta gente pensa??? conclusão: recusei, obviamente.


Passados uns dias, liga-me um senhor da gestão contratual, com paleio de vendedor, a dizer que tinham estudado a minha situação e que tinham uma proposta: mantinha a ligação ADSL e ofereciam um router sem fios com 30gb de tráfego. Eu disse que essa oferta já me tinha sido feita, como tal recusava-a. Ele insistiu e eu disse que não queria, até porque já tinha uma pen de internet móvel. Eis que o senhor me diz que não é uma pen, é um router, como o de ADSL, mas que funciona por 4G...Questionei se ele tinha a certeza do que estava a dizer e ele disse que sim. Perguntei se o router tinha saída de rede e o senhor disse que sim. Passados dois dias, chega-me a casa uma pen de internet móvel...Saltou-me a tampa e não houve uma pessoa que me explicasse que raio de oferta me tinha feito o tal "senhor", visto que o tal router que ele me propôs não é possível contratualmente para M5O e portanto não havia engano no envio da pen.


Conclusão: renovaram-me a fidelização e mantive o serviço ADSL com uma qualidade lamentável. Nem consigo ter dois aparelhos ligados ao router porque um deles fica sem fluxo de net, visto que o outro absorve a largura toda.


Portanto, desde maio, a meo conseguiu destruir uma imagem muito positiva que tinha da empresa e que muito recomendei durante quase 7 anos...Meo, nunca mais.

9 respostas

Reputação 3
Boa noite Valter. Agradeço a tua resposta. Os 4mb que refiro são de velocidade máxima admitida tecnicamente pela linha. mas, na verdade, nunca atingi tal velocidade em testes de velocidade. O máximo que atingiu foram 3mb, mas nem sempre lá chega.


Depois, acredito no que dizes de 4mb serem suficientes. Mas posso garantir-te que se a minha mulher estiver a ver netflix, eu não consigo fazer nada na net. Nem actualizar o facebook no telemóvel...Tanto assim é que há muito tempo que desisti de ter o telemóvel ligado ao router e só uso os dados no telemóvel.


E outra coisa que não me cabe na cabeça é pagar por este serviço (ADSL e satélite, em que fico sem alguns canais, um deles pago, quando está tempo muito nublado ou chuvoso) o mesmo que pagava pela fibra. Não se entende.


Mas o que realmente acho na verdade é que a meo não tem interesse em resolver os problemas e as queixas dos clientes. Mais depressa oferecem um desconto de 10€ na mensalidade do que tentam encontrar uma solução. É triste mas é assim.


 
Reputação 1
1 - MEO é preciso extremo cuidado e saber mais da poda que eles! Ou seja, é preciso saber o que é 4G, ADSL ATÉ 24Mb, saber onde estão os DSLAMs, etc, etc, etc, etc Sei que não deviam enganar os clientes, mas fazem-no a todo o momento.


 


2 - 4Mb dá e chega, sobra e ainda dá para vender para 20 pessoas navegarem ao MESMO tempo! Sempre tive 6Mb e fazia streaming de video com 8 videos em SIMULTÂNEO (agora tenho fibra)!! Para veres, no local onde trabalho temos 20Mbps/20Mbps e estão cerca de 200 (duzentas) pessoas em SIMULTÂNEO 14 horas por dia a navegar, mandar mails, fazer streaming, etc, etc, etc, etc, etc


A verdade é que se queres fazer downloads, aí esquece.... Mas para navegar, youtube e mandar mails é mais que suficiente.


 


3 - Pessoalmente não trocava um ADSL 4Mbps por uma 4G de 20Mbps!! Esses 20Mbps rapidamente ficam em 5Mbps com pings altissímos! Nem pensar!


 


4 - É lamentável as atitudes da MEO perante os clientes! É triste!! São inqualificáveis!
Boas.


Eu tenho uma experiencia muito parecida.


Tive sempre os serviços separados, mas há 2 anos conseguiram me enganar com o M4O, porque fui aliciado com mais velocidade de net fixa.


Tambem sou cliente satelite e cheio de motivos de insatisfação. 


A questão do "até 24mb" tem muito que se diga. A minha linha só suporta 6mb, mas venderam o pacote até 24mb. 


Senti me enganado e pedi rescisão, porque a meo sabia bem que o upgrade não me traria mais velocidade de net fixa. Disseram sempre que 24mb, era dificil, mas que ia ficar com uma velocidade muito proxima desse valor! De 6mb a 24mb vai uma boa diferença e o problema é que nem aos 6mb chego. No fim das contas, aceitei o upgradeporque ia aumentar a velocidade de net fixa e .... fiquei tal e qual na mesma....


Depois lá surgiu um hotspot a titulo compensatório com trafego de 15gb mensais sem custos.


 


Hoje, passados quase 2 anos, recebi a chamada mais absurda da meo. Sou cliente satelite com o pacote m4o plus (tenho 4 cartões de tlm) , net fixa 5mb down/0,6mb up, 110 canais de tv (pago duas boxes por mês) e tfl fixo. por mês passa dos 100€. Estou a 30 dias de terminar o contrato e nunca tive alternativa à meo até à bem poucos dias. Vivo longe da central e não existia alternativa. Atualmente tenho cobertura NOS fibra.
Para nova fidelização de 24 meses, ofereceram me 180 minutos para redes moveis e 1gb de net para cada cartão.
Ainda pensei que fosse gozo! Como não aceitei, contra-atacaram com +1 gb e oferta de uma box!
Acho isto um absurdo. A meo mostra um desprezo total pelos cliente satelite e ainda pensam que somos parvos. Quebras diarias de internet, basta as condições climatéricas piorarem para deixar de ver tv, nem o meogo tenho direito, etc.... Fazer uma oferta destas para fidelizar um cliente por +24 meses é uma verdadeira falta de respeito por um cliente com10 anos.
Reputação 7
Crachá +20
boas


 


@@karla77 fazer uma pesquisa para colocar sempre o mesmo post igual em todos não ajuda no teu problema...


 


devias ter feito tambem uma pesquisa para ver que a solução não passa pelo forum, pois o mesmo não é um apoio ao cliente...alem que o não cumprimento das regras do forum (evidente que não foram lidas) neste caso a repetição dos post leva as suas consequencias...
Reputação 7
Crachá +20
boas


 


  fazer uma pesquisa para colocar sempre o mesmo post igual em todos não ajuda no teu problema...


 


devias ter feito tambem uma pesquisa para ver que a solução não passa pelo forum, pois o mesmo não é um apoio ao cliente...alem que o não cumprimento das regras do forum (evidente que não foram lidas) neste caso a repetição dos post leva as suas consequencias...
Crachá +1
tenho fibra á porta da vodafone e nos, mas meo como é ADSL e acha-se fantástica, mantém o mesmo preço com um serviço precário.
Mas já não me importo, como tenho informado todos os comerciais que me
contactam, Só estou na MEO porque estou fidelizado, agora cada mês que passa,vejo o final da fidelizacao e finito.
MEO NUNCA MAIS e jamais recomendaria a um familiar ou amigo.
Reputação 3
a palavra é mesmo essa: desprezo. Quando vieram as primeiras chuvas, percebi que o canal BenficaTV não tinha imagem. Reclamei para o apoio ao cliente por estar a pagar por um canal que posso ver se nao chover. Infelizmente, os jogos de futebol são marcados haja chuva ou não. A resposta que me deram foi: "já devia saber que com chuva há canais que não funcionam!" Devia saber??? Como??? Sou bruxo? Sou técnico da meo? não...sou só um cliente mal servido...
Reputação 3
Para encerrar o meu assunto e cimentar a decisão já tomada em relação à não continuação com os serviços meo logo que termine a fidelização, decidi expor o assunto na página da provedoria do cliente, isto porque, acima de tudo, sinto-me enganado pelo indivíduo que me garantiu que me seria enviado um router sem fios e acabou, com isso, por me fidelizar novamente. Como tal, a minha exposição para a provedoria tinha acima de tudo por intuito que esta entidade tome conhecimento (caso não tivesse ainda) da facilidade com que se engana um cliente, já de si bastante insatisfeito com o serviço que lhe é prestado.


Passadas poucas horas do envio de 5 mensagens (porque cada mensagem tem limite de caracteres), fui contactado por uma pessoa da dita provedoria. Pediu para me explicar a razão da minha insatisfação (como se não estivesse já clara nas mensagens) e concluiu que eu estava equivocado e que nunca poderia ligar o tal router sem fios à meobox porque a mesma não tinha saída LAN. Ou seja, mais razão me deu para me sentir enganado, porque me foi garantido que o router que me enviariam tinha saída LAN. 


Depois de desligar a chamada, e não tendo ficado convencido de que o dito router não tinha saída LAN, consultei o folheto promocional que foi lançado pela MEO quando foi criado o serviço "meo sem fios", em que é fornecido o tal router. Vendo o modelo do mesmo, é fácil perceber que tem efetivamente saída LAN.


Enviei essa informação por nova mensagem para a provedoria, tendo a referida pessoa ligado pouco tempo depois. Reiterou que eu, como cliente M5O, não poderia ter esse router. Senti que estava a voltar ao novo filme, qual cassete repetitiva. Expliquei-lhe que a razão da minha indignação toda passa por aí. Foi-me prometido um serviço (que eu já sabia de antemão que não podia ter), foi-me dito que era efetivamente verdade que seria fornecido o router sem fios e com essa falsa informação fui agarrado por novo período de 2 anos. 


Perante isto, seguiu-se um "pois" como resposta do senhor da provedoria...


Como já desconfiava, de nada adiantaria contactar a provedoria.


Assunto encerrado e consciência tranquila de que tudo fiz, muito mais do que devia aliás, para me manter como cliente Meo...
Boa tarde,

 

Venho por este meio expor uma reclamação sobre faturação indevida da vossa parte.

 

No dia 08 de Agosto de 2016, fiz um contrato com Vªs. Exªs. Onde ficaria a pagar a quantia de 72.99 euros nos primeiros 12 meses e após estes pagaria a quantia de 82.99 euros.

 

No referido contrato ficou ainda estabelecido e escrito que estes valores já estava incluído IVA à taxa de 23%.

 

Quando comecei a receber as primeiras comecei logo a detetar erros nas mesmas, levando-me a deslocar à loja da MEO no Centro Comercial Loureshopping, onde comuniquei os mesmos e por não me saberem dar resposta às minhas reclamações, ficou escrito para análise e posterior resposta por parte dos serviços.

 

A situação continuou porque continuei a receber faturas com o IVA a incidir nos valores, contrariando o que estava no contrato e também o anunciado no site da MEO e também com vários erros nos valores, o que se agravou com a última fatura (Janeiro de 2017), a qual para meu espanto, apresentava um valor respeitante a consumos de telemóvel de quinze (15) euros, valor esse que seria impossível eu ter de pagar, porque todos os serviços do telemóvel que poderia pagar de forma extra foram por mim bloqueados.

 

Face ao exposto, no dia 18 de Janeiro de 2017, contactei novamente a loja da MEO no Centro Comercial Loureshopping, tendo questionado a funcionária que me atendeu relativamente aos valores acima mencionados, tendo esta achado estranho os mesmos, tendo dito que não me conseguia dizer ao que os mesmos diziam respeito, ficando eu na mesma, ou seja, sem perceber porque é que me estavam a debitar quinze (15) euros na fatura de Janeiro de 2017 respeitante a consumos de telemóvel (comunicações diversas) se eu tenho os serviços bloqueados.

 

Assim sendo, efetuei uma reclamação a dar conhecimento da situação, ficando a aguardar resposta dos serviços.

 

No dia 21 de Janeiro de 2017, recebi uma mensagem dos serviços da MEO a darem conhecimento que no seguimento da minha comunicação 3-189454160204, informavam que não localizavam evidências para que pudesse ser imputada faturação indevida, pelo que consideravam a fatura A640067991 de Janeiro de 2017 corretamente emitida.

 

Face ao exposto e estando eu lesado, estou a fazer esta reclamação com o intuito de poder ver a minha situação resolvida porque estou a pensar, cinco meses depois do início do contrato com Vªs. Exºs. de FAZER TODOS OS POSSIVEIS PARA rescindir o mesmo, alegando justa causa.

 

Dou ainda conhecimento que todos os meses o valor da fatura aumenta, sendo que quando assinei o contrato este teria um valor certo, pergunto eu como é que isto é possível, não será esta uma clara violação da lei?.

 

Dou ainda conhecimento que também contactei a ANACOM que me confirmou o que já suspeitava, que os preços praticados são da responsabilidade exclusiva das operadoras,

ou seja, para além de não respeitam o meu direito à informação, como consumidor (artigo 9.º do DL nº57/2008, de 26 de Março e DL nº24/2014, de 28 de Julho), foram-me ainda impingidas falsidades (por falta de conhecimento do operador ou por política da empresa) no sentido de aceitar as alterações ao contrato que me querem impor.

 

Desta forma, o que pretendo é que se reestabeleçam as condições inicialmente acordadas (tarifário de 72.99 euros) ou que havendo a alteração ao valor inicialmente acordado, que cesse a fidelização imediatamente, uma vez que a alteração ao contrato foi unilateral.

 

Espero, contudo, poder resolver esta questão diretamente com a MEO.

 

.

 

Neste momento, o meu sentimento é o de que no momento em que a fidelização termine, seja daqui a uma semana ou daqui a um ano e sete meses, será o momento em que deixarei de ser cliente MEO, mas espero que a vossa forma de tratar este assunto ainda me possa fazer mudar de opinião.

 

Face ao acima exposto, solicito a Vªs. Exªs. Que me sejam creditados os valores em falta e que me seja dada resposta no prazo legal.

Caso não receba uma resposta satisfatória da vossa parte, recorrerei aos Centros de Arbitragem de Conflitos de Consumo, ao abrigo do direito que me assiste nos termos do artigo 15º, nº. 1 da Lei dos Serviços Públicos Essenciais para a resolução do problema.

 

 

Nº DA ÚLTIMA FACTURA FTA/7640067991

DATA DA ÚLTIMA FACTURA DIA 14 JANEIRO 2017 COM O VALOR DE 105,29

Responder