MEO insiste na falta de transparência

  • 19 Outubro 2018
  • 0 respostas
  • 124 visualizações

Numa contínua falta de respeito pelo cliente e pela lei portuguesa, a MEO insiste em comunicar através de números privados onde anuncia enviar a documentação relativa às propostas APÓS(!) a aceitação das mesmas, numa clara violação da lei portuguesa (ilegalidade que se junta à ilegal cobrança de 1 euro/mês por facturação em papel). 
Como fui ensinado a não contratualizar o que quer que seja sem analisar cuidadosamente todas as cláusulas e condições e como isso me foi negado mesmo após duas reclamações escritas, não me resta outra solução a não ser mudança de operador.



Espero que se obrigue esta empresa a parar com o constante abuso da ingenuidade e do analfabetismo funcional da população. Eu fiz o que posso: reclamei para a Anacom e mudei de operadora. E ainda consegui uma poupança de cerca de 140 euros/ano. No fundo e pensando melhor, obrigado MEO por me fazeres procurar alternativas.

0 respostas

Seja o primeiro a responder!

Responder