Portabilidade de numeros RED para M4O

  • 16 Setembro 2014
  • 5 respostas
  • 1458 visualizações

Boa tarde,

 

Vou em breve aderir ao serviço M4O assim que acabar a minha fidelização à Vodafone (tarifário RED) no final deste mês.

A minha pergunta é que para a portabilidade de numero é melhor trocar o tarifário pós-pago RED por um de carregamentos e depois pedir a portabilidade ou deixar estar e o contrato é anulado assim que a MEO peça a portabilidade dos números.

 

Como quero fazer isto no final do mês agradecia uma resposta o mais rápido possível.

 

Obrigado pela atenção

 

Luis

5 respostas

Reputação 2
Boa tarde.


 


Muita atenção a estas situações.


 


Um pedido de portabilidade é diferente de um pedido de cessação de serviços.


 


É possível efectuar um pedido de portabilidade de números da Vodafone mas manter o serviço RED a funcionar.


 


É necessário que solicite explicitamente a rescisão dos serviços do outro operador e o pedido de portabilidade.


 


Se quer um conselho de quem já lidou com literalmente centenas de situações semelhantes, rescinda você mesmo o contrato com a Vodafone e depois sim, adira ao M4O.


 


Poupa um sem número de chatices que podem advir do facto de deixar o futuro operador encarregue da cessação de serviços do actual operador.


 


 
Boa tarde,


 


Obrigado pela resposta. Uma questão:


- Passar do RED (pós-pago) para um tarifário pré-pago é o suficiente para não ter prtoblemas e ter telefone no periodo da portabilidade?


 


Assim quando da passagem o máximo que me acontece é "perder" algum saldo restante.


 


Estou a pensar bem?


 


Obrigado pela atenção.


 


Luis
Reputação 2
A demora na portabilidade pode ocorrer tanto num tarifário pré-pago como num pós-pago.


 


Quando um pedido de portabilidade é feito é necessário:


 


- nome completo do titular no outro operador


- NIF


- data de nascimento


 


... e se não me estou a esquecer de nada, é tudo.


 


Ora, a demora pode ocorrer caso algum destes dados não esteja correcto ou não se consiga validar junto do outro operador. Quando não estão, o operador que vai ceder o número não o faz.


 


É um processo transversal tanto para pós-pagos como para pré-pagos, por isso, a existir demora, tanto acontece com um como com outro.
Boa tarde,


 


Essa parte já tinha percebido, a minha questão está em rescindir todos os serviços que tenho com a Vodafone se ao ter um tarifário pós-pago poderia ter mais problemas do que sendo um pré-pago.


 


 


Obrigado
Reputação 2
Quanto a isso, é indiferente. A rescisão ao acontecer, tanto faz ser pós-pago ou pré-pago.



O cliente deixa de ser Vodafone. Ponto.

Responder