MEO Kanal

  • 9 February 2012
  • 60 respostas
  • 4832 visualizações


Mostrar a primeira mensagem

60 respostas

http://img259.imageshack.us/img259/5671/screamdf.jpg


Já está criado o meu canal de curtas de terror/fantástico no Meo Kanal: FanCurtas Nº 516090

Já são mais de 19 horas de curtas de terror e derivados... Muita coisa premiada em festivais, de várias origens, tb curtas metragens portuguesas e até de animação. Mas a seu tempo mais curtas vão aparecer...

O meu principal propósito é que este canal sirva para divulgação do cinema de curtas-metragens no âmbito do fantástico.
Crachá +6
Atenção às surpresas com problemas de copyright.
Atenção às surpresas com problemas de copyright.

Eu sei que muita coisa que lá meti não tem valor comercial e até acho que as pessoas envolvidas nessas curtas me agradecem a divulgação, pois serve de publicidade.
Mas se existir problema com algumas dessas curtas, serão as pessoas que detém esses direitos que deverão apresentar queixa à PT e não um cliente Meo qualquer, julgo eu.
E nesse caso, a curta em questão será obviamente retirada. Apagar um canal por inteiro já me parece menos a propósito.
Crachá +6
Eu sei que muita coisa que lá meti não tem valor comercial ...
Desculpa a insistência, eventualmente o abuso, mas por este comentário percebo que não sabes o que é o copyright e/ou os direitos de autor.
Mas como também não não me compete entrar na discussão desse tema neste local, siga o Meo Kanal!
Desculpa a insistência, eventualmente o abuso, mas por este comentário percebo que não sabes o que é o copyright e/ou os direitos de autor.
Mas como também não não me compete entrar na discussão desse tema neste local, siga o Meo Kanal!

Não é eu colocar no canal algo que não é meu? Direitos de autor é ter sido eu a fazer algo ou ter pago pago para ter direitos sobre algo. Sei perfeitamente o que são direitos de autor. O Youtube está cheio de pessoas que metem para lá vídeos e não têm direitos sobre eles. E eles continuam por lá simplesmente porque ninguém se queixa. A partir do momento em que alguém que se queixa, esse video é apagado.
Boa inciciativa. Esperemos a ver até onde poderemos ir! Se apenas no partilhar fotos e filmes das férias com familiares e amigos, ou mais um pouco e realmente criarmos canais nossos com boa qualidade de imagem onde possamos partilhar filmes (coisa que duvido pois seria uma concorrencia drecta aos canais premium e video clube!).

Essa opção dos streams então poderia levar qualquer a colocar um canal online de forma menos legal digamos...
Reputação 1
Meo Kanal: mais de 4000 canais de TV criados numa semana

Inquirida pela Exame Informática, a PT informa que o serviço que permite a qualquer cliente criar um canal de TV, já conta com mais de 4000 “novidades".

Na página do Meo Kanal é possível ver apenas parte dos canais criados pelos utilizadores (os canais privados não surgem no site). Nesta lista, é possível encontrar canais dedicados a televisões regionais, outros dedicados em exclusivo a uma pessoa, e ainda alguns que têm por tema hobbys ou atividades comerciais.

O serviço foi lançado pela PT com 200 canais, onde se destacam programas de TV criados por artistas e celebridades. Num destes canais, o cozinheiro Chakall acaba de mostrar um dos potenciais usos dos vários canais com a difusão do “making of” do último episódio série Chakall e Pulga, que está a ser transmitida em na Sic Mulher.

Fonte: Exame informática
copyrights ... nós tugas somos mesmo meskinhos e piegas com esses assuntos, bem disse o Paços Coelho. Viva a Partilha
Crachá +6
copyrights ... nós tugas somos mesmo meskinhos e piegas com esses assuntos, bem disse o Paços Coelho. Viva a Partilha
Resposta típica de quem não tem imaginação suficiente para criar alguma coisa original.
Basta copiar o que alguém fez.
Triste...
:neutral:
Resposta típica de quem não tem imaginação suficiente para criar alguma coisa original.
Basta copiar o que alguém fez.
Triste...
:neutral:


Uma coisa é pegar em algo feito e partilhar. Um álbum, um filme, etc. Outra coisa é fazer plágio. Fazer plágio é copiar mas partilhar não é copiar. Copiar no sentido de imitar.

Não estou a defender nenhuma delas mas parece-me claramente que o user htzrd ao referir a palvra partilha não se quer referir a actos de plágio (original/cópia) mas antes à livre partilha de ficheiros/informação. São coisas diferentes.
Crachá +6
Uma coisa é pegar em algo feito e partilhar. Um álbum, um filme, etc. Outra coisa é fazer plágio. Fazer plágio é copiar mas partilhar não é copiar. Copiar no sentido de imitar.

Não estou a defender nenhuma delas mas parece-me claramente que o user htzrd ao referir a palvra partilha não se quer referir a actos de plágio (original/cópia) mas antes à livre partilha de ficheiros/informação. São coisas diferentes.
Seja de que modo for, copiar é copiar, é usar obra de terceiros sem pagar pelo seu trabalho, eventualmente até pagar a quem nada fez para merecer essa recompensa.

E essa teoria só pode ser validada por quem não faz nada para criar qualquer coisa e se limita a usar (ou partilhar...??) a obra de outros.

Para mim é roubo.
Seja de que modo for, copiar é copiar, é usar obra de terceiros sem pagar pelo seu trabalho, eventualmente até pagar a quem nada fez para merecer essa recompensa.

E essa teoria só pode ser validada por quem não faz nada para criar qualquer coisa e se limita a usar (ou partilhar...??) a obra de outros.

Para mim é roubo.

Diz-me que nunca sacaste uma música em mp3 que fosse, um software qualquer, um jogo, whatever, que eu acredito. Há "ladrões" em todos os lados, em todos os recantos, mesmo naqueles que supostamente deveriam zelar que para isso não acontecesse. Não discuto se está correto ou está errado, é a realidade.

E aqui a conversa já entra por outros campos. Os que produzem e os que alimentam a indústria da cultura também não deixam de ser ladrões à sua maneira, impondo preços muito altos para o que produzem, não querem perder nenhuma "fatia do bolo" dê por onde der e até chegam ao ponto de aproveitarem-se dos artistas (na música mas também noutros âmbitos) para ficarem com a maior percentagem dos lucros, dando apenas uma pequena parte a quem deveria receber bastante mais.

Coisa que a internet pode ajudar a alterar no futuro.

Não existe só um lado da história, existe sempre o outro lado.

Mas isto já é conversa que nada tem a ver com o Meo Kanal.
Crachá +6
Não estou aqui para convencer ninguém, aliás nem tenho essa ousadia.
Apenas expressar o que penso sobre o tema.
Admito a tua forma de debater o assunto, não me encaixa esta redacção.
E pronto, também termino o OT.
OFF-TOPIC

Pirataria=Piratas com barcos a roubar no mar.

Usam este termo para classificar a partilha de conteudos.Ora bem,partilha significa isso mesmo,partilhar.
Com esta "partilha" a Electronic Arts e companhias semelhantes tornaram-se no que são hoje.Com esta "partilha" todos nós sabemos o que é o pro evolution soccer......e se não houvesse partilha? O que seria das empresas fabricantes de computadores? Grande percentagem dos actuais utilizadores de computadores pessoais partilham conteudos,sejam ilegais ou legais,até porque a linha que os separa é muito curvilinea....
O que é ilegal? o que é legal? Qual a percentagem de imposto que pagamos que vai para incentivos a certos estudios cinematograficos ou de videojogos?
As fotos que vós,os defensores acérrimos da não partilha,utilizam nos vossos inumeros perfis dos foruns foram compradas? ou simplesmente fizeram uma partilha das mesmas com um click do rato? Qual a diferença? É mais grave a partilha de um filme ou de um jogo que de uma foto?!?!?! Ou as fotos e textos também não têm direitos de autor?
Não sejam ignóbeis e compreendam de uma vez por todas que a "partilha" existe,sempre existerá,e sem ela nem este forum possivelmente existia.
Tambem sou a favor da partilha! :D

Mas mudando de assunto.

No Meo Kanal seria optimo, em versão playlist, que desse para avançar um video para um ponto que quizessemos. Por exemplo se eu meter la um video de 2 horas, um tele-espectador que não consiga ver o filme todo poderia continuar amanha do ponto em que deixou o video, se houvesse a opção de avançar o video ou outra opção.

Não sei se isto é pedir muito, mas acho que faria toda a logica no modo playlist, visto que tratamos de ficheiros por vezes bastantes longos. No modo programação não faria logica nenhuma, obviamente.

Cumps
Para quem tem Adsl com velocidades de upload tão baixas, os videos é para esquecer, nem compensa o aborrecimento, para fotos usa-se o Facebook ou outros.
Está feito para quem tem Fibra, o resto que se lixe.
Reputação 1
Novidades do Meo Kanal

Play/Pause

Já estava previsto, mas face à quantidade de pedidos que nos chegaram, desse lado, decidimos agilizar o desenvolvimento desta nova funcionalidade, a possibilidade de poder fazer "pause" a meio da programação, retomando mais tarde, bastando para o efeito que prima o "Play".

Veja o Vídeo

Fonte: Blog Meo Kanal

Lista de Canais

http://img703.imageshack.us/img703/695/listadecanaispublicosme.jpg

Um pedido de muitos utilizadores que vê agora a luz do dia. No site, a possibilidade de consultar a lista de canais (públicos, evidentemente).

Permite uma ordenação por número de canal, nome, classificação e número de visualizações e, dentro de cada um dos anteriores, por categoria.

Uma forma mais fácil de conhecer novos canais.
Fonte: Blog Meo Kanal
Reputação 5
Vale a pena ler isto sobre o MEO Kanal:
Processo de criação do MEO Kanal - UX sapo
Reputação 1
Dica – Aprenda como criar o seu MEO KANAL

No inicio do mês de Fevereiro, a Meo disponibilizou um novo serviço que permite aos seus clientes criarem o seu próprio canal de TV. Com este novo meio de comunicação, os clientes do serviço Meo passam a dispor de uma área, onde podem descarregar as suas fotografias e vídeos, podendo estes conteúdos serem posteriormente visualizados por qualquer cliente Meo. Este serviço pegou moda, e são muitos os que já criaram o seu próprio canal.

Mas como criar o nosso próprio canal? O Pplware dá uma ajuda, disponibilizando um pequeno tutorial, passo a passo.

http://pplware.sapo.pt/wp-content/uploads/2012/02/meo_004_thumb.jpg

Para criarem o vosso próprio kanal, devem ser clientes do serviço MEO e seguir os seguintes passos:

Passo 1 – Aceder ao site do Meo Kanal aqui

Passo 2 – Carregar em CRIAR CANAL

Passo 3 – Introduzir as suas credenciais da Área de Cliente PT ou do site MEO. Caso não tenha conta deverá criar uma através do botão REGISTAR.

http://pplware.sapo.pt/wp-content/uploads/2012/02/meo_001_thumb.jpg

Passo 4 – Depois de entrarem na plataforma (Área de Cliente), devem carregar em ACEDA AO MEO KANAL

http://pplware.sapo.pt/wp-content/uploads/2012/02/kanal_00_thumb.jpg

Passo 5 – Indicar o seu e-mail e o seu nome

http://pplware.sapo.pt/wp-content/uploads/2012/02/kanal_02_thumb.jpg

Passo 6 – Neste ponto vamos proceder à criação do canal propriamente dito. Para isso, devem indicar o nome do canal, indicar se é publico ou privado e gerar um numero que será o numero que irá identificar o vosso canal.

http://pplware.sapo.pt/wp-content/uploads/2012/02/kanal_03_thumb.jpg

Passo 6 – Depois podem fazer o upload de uma imagem de marca do Canal, escolher a categoria, indicar uma pequena descrição, indicar algumas tags (até 5), definir o distrito e o concelho.
Nesta página podemos também controlar se o canal está já “No Ar” e definir o tipo de privacidade.

http://pplware.sapo.pt/wp-content/uploads/2012/02/kanal_04_thumb.jpg

Passo 7 – Depois no separador PROGRAMAÇÃO podemos começar a fazer o upload dos nosso conteúdos. A nível de vídeo a MEO:

Recomenda:

  • Formatos .avi, MPEG (.mpg), MPEG-4 (.mp4 ou .m4v) ou QuickTime (.mov).
  • Resoluções de 1280x720p (16:9) para HD ou 720x576p (4:3) para SD, a 25fps.

Ficheiros com resoluções superiores poderão demorar mais tempo a processar.

Não recomenda:
  • Ficheiros em formato Flash vídeo (.flv ou .f4v) e Windows Media (.wmv).
  • Resoluções inferiores a 720×576
http://pplware.sapo.pt/wp-content/uploads/2012/02/meo_002_thumb.jpg

Feito os passos anteriores, e caso o canal esteja no estado “NO AR” e definido como publico, este passa a estar disponível para todos os clientes do serviço MEO. Para tal, os clientes apenas têm de carregar na tecla verde do comando e depois inserir o numero do canal a visualizar. De referir que no menu da TV, os utilizadores podem também escolher canais por categoria, com base nas tags, etc. Cada cliente pode criar até 6 canais!

Aproveitando o tutorial, procedemos à criação do canal Pplware com o numero 805399 onde iremos depositar alguns conteúdos.

http://pplware.sapo.pt/wp-content/uploads/2012/02/meo_000_thumb.jpg

Depois cada utilizador poderá controlar o numero de acessos ao seu canal.

http://pplware.sapo.pt/wp-content/uploads/2012/02/meo_003_thumb.jpg

O serviço de televisão por subscrição da PT tem vindo desde o lançamento em 2008 a contribuir para alterar profundamente o modo como se vê TV em Portugal. O ano de 2012 continuará a trazer grandes desafios nesta área e acima de tudo será um ano de consolidação da extensão da TV e dos seus conteúdos a uma série de outros equipamentos com os quais a PT proporciona experiências de visualização de TV únicas que, agora, ganham uma dimensão ainda maior com a criação e partilha do próprio canal no MEO. Experimentem e digam-nos qual o vosso canal.



Fonte: pplware
Por enquanto ainda não existe a possibilidade de remover as fotos introduzidas... 😞
Há algum tipo de custo se fizer um Meo Kanal?
Crachá +6
Há algum tipo de custo se fizer um Meo Kanal?
Neste momento não.
Reputação 1
PT equaciona entrada de marcas no Meo Kanal

A PT está a avaliar a hipótese de as marcas virem a poder criar os seus próprios canais através do serviço Meo Kanal como forma de rentabilizar o projecto, lançado a 9 de Fevereiro e, para já, apenas disponível para utilizadores particulares, confirmou ao M&P fonte oficial da empresa.

“Estamos a discutir múltiplas formas de tornar o Meo Kanal um meio atractivo para contextos múltiplos de utilização”, adianta a mesma fonte, admitindo que “a utilização do Meo Kanal por parte das marcas e exploração comercial desses canais é um dos cenários que estamos a avaliar”.

A empresa confirma que tem recebido solicitações de marcas para entrar na plataforma, que permite, à semelhança de uma rede social, compor um canal próprio e com conteúdos seleccionados por cada utilizador. Do lado particular, adianta a empresa, o balanço é positivo. “Foram criados 5800 canais no Meo Kanal desde o seu lançamento”, sendo que “o serviço é utilizado em partes semelhantes entre canais públicos e canais privados.

Há uma distribuição uniforme entre as categorias do serviço com ênfase em conteúdos de entretenimento”, revela fonte da empresa. No entanto, ressalva, “neste momento, estamos muito focados na utilização da plataforma para uso não comercial e na sua massificação”. Ainda assim, continua, “este período de adopção e aprendizagem é muito importante para nós. Não vamos antecipar ofertas até termos a certeza absoluta de que estamos no caminho certo”.


Fonte: Meios & Publicidades
Bom dia!

Gostaria de partilhar um problema que me surgiu com a aplicação Meo Kanal, para ver se alguém da comunidade já teve ou mesmo problema ou se conhece alguma solução.
Quando saiu a aplicação, tive acesso imediato a ela e vi alguns vídeos. Entretanto, surgiu um problema na Meo Box ( o 2º em pouco mais de 2 meses e que o obrigou a uma 2ª troca de box, com a consequente perda de gravações) e, após a colocação da nova, nunca mais consegui aceder aos conteúdos do Meo Kanal. Ao seleccionar a tecla verde entra no menu, com a lista de canais mas, quando escolho qualquer um, aparece no canto superior esquerdo o logo do canal, em baixo aparece a barra de programação mas imagem, nem vê-la... tudo negro. Liguei para o apoio a cliente e, depois de mais de 20 minutos ao telefone - a pagar - disseram que não percebiam qual era o problema e que iriam reencaminhá-lo para os serviços técnicos, que entrariam em contacto comigo nas 36 horas seguintes... e já lá vão mais de 70 horas...
Já aconteceu o mesmo a alguém?
Crachá +6
Estranho!

MEO ADSL ou FIBRA??

As boxes estão ligadas por RJ45 ou powerlines?

Alteraste os IP`s das boxes?

Responder