Pergunta

Altice Portugal - Remoção do poste Telecom em propriedade privada

  • 24 Novembro 2020
  • 6 respostas
  • 84 visualizações

Boa noite,
Venho pela presente informar-vos que eu, Ludger Espírito Santo, proprietário de uma moradia situada na Rua da Pousada, nº 13, 4730-272 Loureira onde está implantado um poste da Altice Telecom.
Como tal, pretendo que o mesmo seja removido o mais rápido possível, uma vez que pretendo construir uma garagem no local onde se encontra o referido poste.
É de referir que o mesmo pedido já foi feito pelo antigo proprietário no dia 28 de Fevereiro de 2019 e até agora sem nenhum efeito.


6 respostas

Reputação 7
Crachá +24

Terá que preencher o Mod.C/1000524 "pedido desvio de traçados" disponível em http://conteudos.meo.pt/meo/Documentos/Formularios/Formularios-Pedido-Desvio-de-Tracados-Mod-C1000524.pdf. Depois entrega em loja ou caso seja cliente MEO via área de clientes MEO nos pedidos.

Depois é insistir frequentemente.

Terá que preencher o Mod.C/1000524 "pedido desvio de traçados" disponível em http://conteudos.meo.pt/meo/Documentos/Formularios/Formularios-Pedido-Desvio-de-Tracados-Mod-C1000524.pdf. Depois entrega em loja ou caso seja cliente MEO via área de clientes MEO nos pedidos.

Depois é insistir frequentemente.

Eu já publiquei uma reclamação no portal das queixas já liguei para lá enumeras vezes já foi um técnico ao local e até agora nada.

Contudo obrigado pela resposta vou avançar com o que sugeriu.

Reputação 7
Crachá +24

Reclamar no portal da queixa, para além de divulgação, não vale de nada. A meo não dá seguimento às reclamações lá colocadas.

É sem dúvida um processo demorado e não prioritário para a meo. 

Eu já liguei varias vezes para lá e já preenchi o formulário e nada, eles estão sempre a dizer que está em tratamento e já esta a aproximar mais ou menos 2 anos a espera.

Reputação 7
Crachá +24

É um processo demorado… agora 2 anos é escandaloso… coloque a questão à provedoria e no livro das reclamações...

É um processo demorado… agora 2 anos é escandaloso… coloque a questão à provedoria e no livro das reclamações...

 

Há que dar desconto, pois além de ser já naturalmente demorado (equipas de infraestruturas, reformulação traçados, projetos, burocracias) ainda há um ano de contingência que poderá ter atrasado ainda mais os processos. 

Responder