Propaganda em Festivais de Verão - Não ofereçam brindes reduzam sim a factura aos clientes!

  • 2 Agosto 2014
  • 0 respostas
  • 623 visualizações

Nos passados dias 17, 18 e 19 de Julho decorreu em Gaia o festival "Meo Marés Vivas". Durante este festival a Meo, como patrocinador do evento empenhou-se numa massiva distribuição de brindes por todos os festivaleiros lá presentes, desde chapéus, t-shirts, óculos etc.

Nunca fui muito dado aquelas coisas, mas algumas são engraçadas e apelativas, sobretudo aos mais novos que rapidamente nos dizem "eu queria uma coisa daquelas". Pois bem, eu como tio dedicado dirigi-me ao stand da Meo e identifiquei-me como cliente Meo através da aplicação do meu smartphone e após uma conversa agradável com uma das meninas lá presente, pedi se por favor me poderiam oferecer um par de óculos e um chapéu, ao que me foi-me dito para aguardar que as colegas iriam tratar disso.

Não é que as colegas, todas elas, me negaram o que quer que fosse? Obviamente que após esta atitude me recusei à humilhação de implorar que dessem uma porcaria que até sou eu quem ajuda a pagar!

 

Sinceramente este episódio deixou-me triste e com uma muito má imagem do que é que uma empresa é capaz de fazer pelos seus clientes. Tenho uma fidelização de 2 anos que pago cerca de 70 euros mensais, a seu tempo isto irá pesar na minha decisão de manter-me ou não como cliente, mas mais que isso não recomendarei mais a Meo a ninguém.

 

É triste que a minha sobrinha tenha visto centenas de pessoas com 3 ou 4 chapéus e possivelmente nem clientes são e que um cliente veja negado um pedido miserável que custava apenas a simpatia de pessoas que representavam ali a empresa.

 

Deixo aqui a dica para que futuramente deixem de fazer este tipo de iniciativas e usem esse dinheiro para reduzir as facturas dos clientes, sinceramente estes ficavam mais agradecidos e reconhecidos e talvez fizessem uma publicidade melhor junto de outros potenciais interessados que o que aquelas meninas de t-shirts fizeram a distribuir chapéus em festivais de música…

 

Cumprimentos

 

Paulo Oliveira

 

0 respostas

Seja o primeiro a responder!

Responder