Novo aumento de preços 01/11/2016

  • 30 September 2016
  • 111 respostas
  • 9740 visualizações


Mostrar a primeira mensagem

111 respostas

tenho a mesma situação.


Deram-lhe resposta?
estou na mesma situação.


teve resposta?
Reputação 1
Crachá +4
Há a interpretação, e há a negação.


Negarmos algo até à exaustão não faz magicamente aparecer a razão. A meo pode dizer muita coisa, incluindo que está dentro do estipulado por lei, mas o português se às vezes é traiçoeiro, neste caso não é. Já foram apontados demasiados factos para se continuar a dizer que eles estão dentro da lei, porque pura e simplesmente não estão.


Se não chega o "jogo baixo" que apesar de baixo, poderia ser legal (disfarçado numa 3ª página de um pdf, claramente com intenção de passar despercebido), já é mais complicado desviarem-se do facto de não estarem a informar condições nenhumas, somente estão a remeter para a ligação de um número pago ou para a procura das novas condições (como quem diz que naquele palheiro está uma agulha, agora boa sorte a encontrá-la) e de não estarem a informar que o cliente reserva-se ao direito de não aceitar as condições alteradas e de rescindir sem custos, fora ou dentro da fidelização.


 


A minha imagem por alguma razão desmaterializou-se, fica aqui o link:


 


http://image.prntscr.com/image/7fed4c199c31425c9e3778bd5d2b440d.png
Reputação 1
Eu disse e repito que a ANACOM foi bem clara no que me respondeu.  (( O prestador deve informar por ESCRITO e no minimo de 30 dias de antecedênçia da proposta de alteraçâo e do seu direito de cancelar o contrato sem qualquer custo caso nâo aceite as novas condiçôes.)) Falei com pessoas dentro da matéria e tem que sêr por escrito aos clientes e nâo nas faturas como voçês falam..Erro das operadoras e falta de respeito para com os clientes. - Alem disso podem recorrer aos Centros de Arbitagem de Conflitos de Consumo. Ok? Obrigado


NeoPayne escreveu:

boas


 


e foram avisados 1 factura antes do tempo...+/- mês e meio...


 


quando se explica bem...não se precisa de gritar (neste caso escrever com letras maiusculas) além que as pessoas educadas não precisam de gritar ou escrever em maiusculas para se fazerem entender...


 


da maneira como escreves, insinuas que eu concordo da maneira como as coisas são feitas, já fui bem explicito que não o sou...mas que para todos os motivos estão a cumprir a lei...como o principio do forum é informar e ajudar independente das opiniões...como a minha opinião de nada vale pois a lei é que manda e desmanda, dou como prioridade a informação do que a lei obriga e não obriga...neste caso (infelizmente) nada obriga a informarem em letras garrafais ou de uma maneira mais visivel para os cliente terem a certeza que veem...



 
Reputação 2
Crachá +1
"Amigos" Se forem para tribunal arbital ganham, mas têm que perder tempo.


 


A MEO mete uma letrinhas no fim de uma factura que sabe que ninguém vai reparar, uns têm débito directo, outros olham ao valor a pagar.


Para os que reparam, para saberem o valor do aumento basicamente têm que esperar pela primeira factura, porque se tiverem um tarifário promocional para descobrir os valores do aumento é uma espécie de missão impossivel.


A lei diz: ..o cliente deve ser informado antecipadamente e de forma clara..


 


Se não tiverem disponibilidade para perder tempo com litigios, rescidam quando acabar a fidelização e NUNCA mais voltem ao MEO e desaconselhem o MEO a amigos, colegas de trabalho e afins, é das empresas menos sérias em Portugal e se calhar no Mundo..


 


O ano passado aumentaram 2€ depois de fazerem aqueles contractos milionários com os clubes de futebol, este ano novos aumentos a clientes fidelizados. Sou cliente VDF noutra habitação tenho melhor serviço e continuo a pagar 25.90€.. sem aumentos escondidos..
Reputação 7
Crachá +23
boas


 


concordo que a informação deve ser clara e transparente...mas a lei não o diz como fazer...diz "por escrito", "forma adequada"...mas não diz por exemplo...por escrito de forma ligivel e transparente e não misturada com outras informações, mas numa carta especifica com essa informação e as condições que iram ser alteradas descriminadas...


 


se assim fosse de certeza que as coisas poderiam ser diferentes...para todos os efeitos estão a cumprir a lei...tal e qual como mostras-te...é pena que a maioria das leis podem ser interpretadas de modos diferentes e não são explicitamente fechadas e descritas de forma a que não possa existir outras interpretações...
Reputação 1
Crachá +4
Bom dia.


Como li algures que estava na factura de setembro, fui ver melhor e está lá sim senhor, no entanto é o tipico aviso escondido (3ª página do pdf) em vez de ser na área de comunicação com o cliente, em que avisam que a grelha mudou ou promoções m4o ou meo go, etc.


 


Eu tenho para mim que antes de me stressar e revoltar, devo tentar controlar-me, mesmo perante roubos absurdos como estes, e resolver a bem, e mesmo que seja a mal, nunca deixar que as emoções ultrapassem a razão, porque como humano, obviamente o que me dá vontade é borrifar-me nesta empresa, que desrespeita os seus clientes e a lei em vigor, mas, que mal tem pagar 2eur a mais se vou pagá-los a menos na factura seguinte? Estes esquemas são abrangidos pela mentalidade capitalista, eles precisam de dinheiro, e muitas vezes essa necessidade básica e forçada, sobrepõem-se ao reconhecimento que esse dinheiro só existe pela satisfação de quem o entrega, e sem essa satisfação, e com constantes facadas nas costas, constroem fama e desconfiança e repelem os clientes para a concorrência sempre que possível. Todas as empresas falham, já aprendi isto, é a forma como lidam com as falhas que as faz boas ou más.


 


Relativamente ao aviso na factura, a lei é explícita:


 


?


E refere que o que deve ser enviado por escrito é a "proposta de alteração" e não a informação que será alterada. A lei neste ponto é clara, a obrigação de haver certeza que o cliente teve conhecimento parte do operador e não do cliente, caso contrário, além destes truques de não dizerem as alterações e remeterem para o cliente o ter de ir pescar no site, ou ligar números a pagar, iam sendo cada vez menos correctos, sem limitações. Relembro por exemplo os bancos, que legalmente têm sempre de cumprir normas bastante rigidas e burocráticas, e não há um fio de cabelo a um contrato alterado, sem uma mensagem na área de cliente e com link directo às condições, para se o cliente as recusar, poder saber o que está a recusar e do que se trata.


 


Aguardarei resposta da área de cliente, e se for caso disso, desisto do serviço por justa causa, sem pagar nem mais um cêntimo que aquilo que usei, isto depois de um crédito na conta dos 2eur, porque se isso não acontecer, nem devolvo os aparelhos.
Reputação 7
Crachá +23
boas


 


se realmente no teu caso não tens qualquer aviso deverá ser sinal que não irá ser mexido nada no teu contrato...


 


mas procura bem que poderá estar mt bem disfarçado...nisto para não perderes a razão no caso que tenhas de reclamar...
Reputação 1
Crachá +4
Há aqui bastante ambiguidade e informação inconcreta.
Eu estive a ver TODAS as facturas pdf de Janeiro a novembro e em nenhuma há *na zona destinada a isso* qualquer aviso pelo que tão certo como certo ter 5 letras, não irei pagar mais e este será devolvido o montante de aumento na factura e é-me completamente irrelevante se é muito ou pouco, não admitirei qualquer roubo ao meu dinheiro e muito menos por razoes de futebol que não vejo.
Reputação 7
Crachá +23
boas


 


e foram avisados 1 factura antes do tempo...+/- mês e meio...


 


quando se explica bem...não se precisa de gritar (neste caso escrever com letras maiusculas) além que as pessoas educadas não precisam de gritar ou escrever em maiusculas para se fazerem entender...


 


da maneira como escreves, insinuas que eu concordo da maneira como as coisas são feitas, já fui bem explicito que não o sou...mas que para todos os motivos estão a cumprir a lei...como o principio do forum é informar e ajudar independente das opiniões...como a minha opinião de nada vale pois a lei é que manda e desmanda, dou como prioridade a informação do que a lei obriga e não obriga...neste caso (infelizmente) nada obriga a informarem em letras garrafais ou de uma maneira mais visivel para os cliente terem a certeza que veem...
Reputação 1
Eu gosto de escrever em letra grande para que os clientes se apercebam do que se passa e nâo comprarem LUPAS para lerem as faturas porque já no facebook  o faço em letra grande e recebo bastantes elogios porque vai bem explicado e com boa visâo. 
Reputação 1
 


A lei:


 


"com uma antecedência mínima de 30 dias, devendo simultaneamente informar os assinantes do seu direito de rescindir o contrato sem qualquer encargo"


 


No mínimo, a segunda parte que a lei estipula não é cumprido. Nem pela MEO, nem por ninguém. Todos agiram de má fé, isso é inegável. Ou essa forma de informar não tem o único e exclusivo intuito de apanhar o cliente, que quando se apercebe do aumento, já passou o prazo para rescindir sem encargos? É mais do que óbvio. Mas isso, é o mundo em que vivemos: dinheiro, dinheiro, dinheiro, dinheiro. Ética = zero.
Reputação 7
Crachá +23
Boas

Avisou de qualquer das maneiras....a lei obriga a informar que vai existir alterações... Agora como devem ser a lei não explica...

Concordo que podia e podem informar de maneira mais directa.... Mas a lei não o obriga a especificar no momento em que dão informação quais as alterações...

Todas as operadoras fizeram o mesmo e de igual maneira... Logo na minha opinião o que está mal é a lei que permite fazerem isto... A ANACOM é que passa a ser responsável... Isto já sem falar dos 3 operadores agirem de maneira concertada no aumento dos preços...
Reputação 1
 


Estão mais preocupados com utilizadores a escrever em maiúsculas do que em cumprir a lei.


 


Nos termos da Lei n.º 15/2016 de 17 de junho Artigo 48.º, ponto 16:

"Sempre que a empresa proceda por sua iniciativa a uma alteração de qualquer das condições contratuais referidas no n.º 1, deve comunicar por escrito aos assinantes a proposta de alteração, por forma adequada, com uma antecedência mínima de 30 dias, devendo simultaneamente informar os assinantes do seu direito de rescindir o contrato sem qualquer encargo, no caso de não aceitação das novas condições, no prazo fixado no contrato, salvo nos casos em que as alterações sejam propostas exclusiva e objetivamente em benefício dos assinantes."

Acontece que nenhum desses aspetos da Lei foi cumprido pela MEO.

A única coisa que a operadora chama de "aviso", é a frase que consta na fatura de setembro: "A 01-11-2016 entram em vigor novos preços e condições. Saiba mais a partir de 01-10-2016 em meo.pt ou pelo 16 200."


 


Deliberadamente de má fé, não avisa o que vai mudar, coloca a frase perdida na fatura e ainda diz: se quiser saber vá procurar!



Com efeito, a MEO não cumpriu os deveres a que se encontrava obrigada nos termos da lei:

- Não avisou por escrito de forma adequada;
- Não informou sobre o valor do aumento;
- Não informou que se não concordasse poderia cancelar o contrato.


 


(crédito do texto a Faria dos Santos, no portaldaqueixa).
Reputação 1
 A mesma informaçâo? -- Eu é que a dei tim  tim por tim tim, nada como a Meo que pôe em letra pequena para os otários nâo conseguirem lêr. - mas se precizo fôr escrevo no Facebook em letra grande para todos lerem bem (( até a carta da ANACOM para eles perceberem melhor )) 


 
Reputação 7
Crachá +23
Boas

Dei a mesma informação sem precisar de uma carta da ANACOM...
Reputação 1
Boa noite Ex.mos Sres. - Lhes vou descrever a carta que recebi da ANACOM e que se encontra em meu poder. - (( Sem prejuizo ,cumpre exclareçer que o seu prestador pode alterar as condiçôes contratuais nomeadamente os preços, os serviços forneçidos, as condicôes de pagamento, e.t.c. Caso as alteraçôes nâo sejam vantajosas, o prestador deve informa-lo por escrito e no minimo com 30 dias de antecedênçia da proposta de alteraçâo e do seu direito de cancelar o contrato sem qualquer custo caso nâo açeite as novas condiçôes. 
Reputação 7
Crachá +23
boas


 


? agradeço que escreva sem o "CapsLock" activo...alem de não estar a cumprir com as regras do forum é como se tivesse a gritar...


 


não é verdade que tem de ser enviado uma carta com essa informação...o cliente tem de receber essa informação e a mesma veio na factura 2 meses antes da alteração...concordo que a informação vem de uma maneira muito discreta e quase que passa despercebida...mas está lá...


 


após receber essa informação o cliente podia ter desistido do contrato com justa causa no prazo de 15 após receber a informação...
Reputação 1
AMIGO SE NÂO LHE ENVIARAM UMA CARTA COM 30 DIAS DE ANTECEDENÇIA PODE RESCINDIR DO CONTRATO SEM CUSTOS NENHUNS (( Contate a ANACOM )) 
Reputação 1
AMIGOS(AS) AS OPERADORAS SÂO OBRIGADAS A COMUNICAR AOS CLIENTES COM 30 DIAS DE ANTECEDENÇIA SE AÇEITAM OU NÂO AS ALTERAÇÔES FEITAS E SE O CLIENTE NÂO AÇEITAR PODE RESCINDIR DO CONTRATO SEM CUSTOS PORQUE NÂO FORAM AVISADOS POR ESCRITO  (( Contatem a ANACOM )) 
Parece que o aumento de 2€ foi para todos, independentemente do valor das suas mensalidades.

O Jornal de Negócios de 10 de Novembro diz que o aumento se deve aos contratos de direitos televisivos de transmissão dos jogos de futebol. E, pior, que a PT pensa que o aumento será uma tendência estendida aos seus rivais.

No meu caso foi contactado via telefónica, em Abril de 2016, com uma oferta promocional de um preço fixo a manter durante os 24 meses de fidelização.

Sugiro que se envie reclamação através da Área de Cliente, pedindo o crédito destes 2€ na próxima factura. Quantos mais melhor.
Crachá
Ou seja, em Janeiro 2016 me aumentaram 2€, passaram só 10 meses e me voltam aumentar outros 2€, tudo no mesmo ano!!! 


E o mais é irritante é que para cumprirem com a lei só enviam na fatura do mes de setembro 1 linha quase imperceptivel a dizer que entravam em vigora a 1/11 novas condições mas que só em Outubro poderia consultar quais são... e só no site.. 


Agora chega a fatura de Novembro e pumba!! Toma lá e paga!


Devia ser OBRIGATORIO as operadoras COMUNICAR POR ESCRITO quais as ALTERAÇÕES, e não usarem estes estratagemas para abusar dos consumidores.


Lá vai mais uma queixa para as autoridades competentes por esta pratica da MEO e só espero chegar ao dia do fim da fidelização e MEO NUNCA MAIS!
Reputação 1
 

Mas isto é assim? Aumentam o preço sem informar? Do nada já está programadinho debitar um valor superior sem qualquer aviso? Adeus MEO. Se se lembrassem de aumentar 40 EUR também era via verde? Tá bom.
Reputação 1
A mim disseram que tenho que pagar €80 da instalação, mais €25 da activação. E ainda me ofereceram manter-me por €28,90 (o mesmo que a Vodafone está a oferecer). Recusei, e como não estou para ficar aqui no jogo do empurra quanto aos valores da rescisão, vou ficar até maio, e depois adeus Meo.
Reputação 2
Crachá +1
Pois compreendo a tua situação, também não é por 25€, que te chateavas, mas vamos ser claros, não tinhas de pagar nada.


Porquê


O primeiro princípio do Direito português é que a Constituição, e depois a Lei, prevalecem sobre todas as coisas.
Se uma Lei e um contrato forem contraditórios, o que vale é sempre a Lei.
Se um contrato não tiver enquadramento legal, essas cláusulas são inválidas.
O que falas aí é numa rescisão normal, por iniciativa do cliente.


Portanto refiro aqui mais uma vez a LEI, para não restar duvidas a ninguém.





Redação vigente da Lei n.º 5/2004 (LCE)
Artigo 48.º
Contratos
 E atentem no ponto 16:


16 - Sempre que a empresa proceda por sua iniciativa a uma alteração de qualquer das condições contratuais referidas no n.º 1, deve comunicar por escrito aos assinantes a proposta de alteração, por forma adequada, com uma antecedência mínima de 30 dias, devendo simultaneamente informar os assinantes do seu direito de rescindir o contrato sem qualquer encargo, no caso de não aceitação das novas condições, no prazo fixado no contrato, salvo nos casos em que as alterações sejam propostas exclusiva e objetivamente em benefício dos assinantes.




Responder