IPX


Bom dia,

 

No passado dia 20 de Setembro recebi uma mensagem no telemóvel a informar-me que tinha atingido “80% do seu limite de comunicações extramensalidade.”

Ao ver a SMS, questionei-me o que seriam comunicações extramensalidade e, depois de ir ao site da MEO reparei que havia uma subscrição de uma entidade designada IPX (de quem eu nunca tinha ouvido falar) desde o dia 23 de Agosto e que era visitado/cobrado semanalmente entra a 1h e as 4h da madrugada.
Como posso ter subscrito um serviço se nunca confirmei e/ou preenchi formulário nenhum para nenhum tipo de jogo (segundo a assistente telefónica).

 

Para tentar perceber do que se tratava liguei para o apoio cliente da MEO onde me disseram que podia desativar as subscrições deste género de serviços, incluindo o subscrito nesse mesmo momento.

Contudo, até agora, já me foram-me descontados 8,13€ pelo tal serviço que nunca subscrevi e, como fui informada na gravação, ser-me-ão também cobradas as chamadas que efetuei para o apoio ao cliente para resolver uma situação que não deveria acontecer.

 

Depois de pesquisar na internet pude reparar que existem imensas queixas contra a MEO pelo mesmo assunto.


• Parece me mais do que justo a devolução do valor cobrado pela/através da MEO pelo serviço não subscrito/utilizado e pelo valor cobrado pelo telefonema para o apoio ao cliente.
• Se, quer a empresa quer o cliente, estão a sair lesionados porque é que a Meo não faz nada? Não estará mais do que na hora de começarem a tentar resolver este assunto de uma vez por todas? Afinal é mais uma mancha para a empresa.
• Não é esta situação considerada burla dada a dimensão das queixas que recebem constantemente? E não são as burlas consideradas crime?
• Ou será que têm algo a ganhar com esta situação?

 

Aguardo resposta,
                               Susana Pinho

3 respostas

Reputação 6
Olá SusyRock,


 


A subscrição deste tipo de serviços é feita pelos utilizadores, muitas vezes sem se darem conta. Pode acontecer quando acedem a determinados sites ou recebem determinados SMS. Há serviços que em vez da pessoas ter que dar o ok à subscrição, dizem que caso não responda negativamente, ficam com o serviço subscrito.


Estes serviços não são serviços MEO, são serviços de outras empresas.


 


Na sua Área de Cliente pode barrar a ativação deste tipo de serviços, assim ficará protegida e não será apanhada desprevenida. Leia mais sobre esta funcionalidade da Área de Cliente aqui.
Estes serviços são consultas de sites pornográficos...
Como assim eles não são grátis?.. como se resolve essa situação?..

Responder