Facturação/cobrança indevida de 22,99€ por mensalidades posteriores ao termo do contrato

  • 16 Fevereiro 2018
  • 0 respostas
  • 184 visualizações

  • Novo Membro
  • 0 respostas
Por carta registada enviada para a MEO, requeri a rescisão do contrato celebrado com efeitos a 30-11-2017. Após contacto da MEO, em 09-11-2017, dirigi-me à loja de entrecampos para exibir o meu CC, confirmando o pedido de rescisão com efeitos a 30-11-2017. Não obstante o termo do contrato em 30-11-2017, decorrente da rescisão devidamente formulada, a MEO procedeu através do débito directo na minha conta bancária, à cobrança de 22,99€, relativa à facturação da mensalidade de dezembro de 2017. Após várias reclamações para que me fosse devolvido tal valor, por indevidamente cobrado, porque relativo a uma mensalidade já não coberta pelo contrato - que estava legalmente rescindido - recebo o mail datado de 15-02-2018, assinado por Edite Ribeiro-que me indica que a MEO desactivou o serviço nas suas instalações centrais apenas em 10-01-2018, pelo que me cobra o valor de 11,49€ a título de "acertos de facturação" e considera que tenho um crédito de 11,50€, com IVA. Porque a rescisão do contrato devia ter ocorrido em 30-11-2017, não me deveriam ser facturados e cobrados quaisquer valores por mensalidades posteriores ao termo desse contrato. Quanto ao efectivo desligamento do serviço nos serviços centrais da MEO, não era uma razão contratual para a cobrança de quaisquer valores pela MEO e é um facto alheio à minha pessoa, estando apenas dependente da vontade/acção da MEO. Após 27-11-2018, o serviço MEO ficou desligado na minha casa, pois passei a estar ligada a outro operador. Em suma, a MEO cobrou 22,99€ indevidamente, porque tal valor é relativo a uma mensalidade posterior ao termo do contrato e pretende manter-se a cobrar - ou a não devolver  - 11,50€, que me são devidos. Quaisquer alegadas razões para o não desligamento nos serviços centrais da MEO da ligação telefónica logo em 30-11-2017, só pode ser imputada ao desleixo ou ao mau funcionamento técnico da MEU, sendo um facto alheio ao à minha pessoa e relativamente ao qual não posso ser responsabilizada com o pagamento do valor de 11,50€. Agradeço, pois, a devolução integral dos 22,99€. Cumprimentos

0 respostas

Seja o primeiro a responder!

Responder