Wifi e Wifi-5G

  • 20 September 2017
  • 28 respostas
  • 28647 visualizações

Boas, a fibra da meo chegou à minha zona há cerca de 2 meses e, sem perder tempo aderi logo ao pacote 100/100. Esta semana o veu vizinho aderiu também e na configuração do router fibra os tecnicos deixaram-lhe o wifi dividido e 2, por exemplo MEO-A94381 e MEO-A94381-5G, e disseram-lhe que este, o 5G será ideal para equipamentos que suportem 4G LTE etc.. que seria uma rede muito mais rápida que a normal (e realmente é pois ja tive a oportunidade de fazer testes no smartphone e na normal não dá mais que 40mb download e no 5G chego a atingir velocidades superiores à contratada) por ser 5Ghz penso eu. A questão é, não sei se o meu router suporta sendo ele o Thomson TG799vn, gostaria também de ter este sistema, se alguém me puder ilucidar mais acerca deste assunto agradeço desde já.

Tópico fechado, já não permite mais respostas.

28 respostas

Reputação 6
Crachá +10

Bem já se sabe o q acontece quando se vai ao Facebook dos cotas gente procurem fontes credíveis o 5g e o 5ghz são diferentes e n está provado que fazem mal esperem por notícias verdadeiras provavelmente as pessoas q fazem estas fake news provavelmente os autores das mesmas são pessoas anti vacinas

Acho que satélites trabalham a frequências muito mais altas (corrijam-me se estiver errado) 

PONTO

 

Não há qualquer relação entre  5G e 5GHz, mas na verdade as frequências do Wi-F e rede móvel, tanto da geração anterior, como nas novas gerações, não andam assim tão distantes, se tivermos em conta todo o espectro eletromagnético de radio frequência. Há uma tendência popular para associar a implementação destas tecnologias, em fases aparentemente coincidentes e, como todo o vocabulário técnico se mistura facilmente, talvez isso explique a confusão gerada.

No que diz respeito as frequências de comunicação satélite, depende do fim para que são usadas. Existem casos em que são superiores aos 5 Giga Hertz do novo Wi-Fi (ex,  televisão, telefone por satélite) e casos em que são inferiores (ex: localização GPS). Em todo caso, uma vez mais, tratam-se de técnicas diferentes e têm pouca comparação.

O elemento mais evidente que caracteriza todas estas tecnologias é o uso da gama das micro-ondas. Ora, e para reforçar o meu post anterior, toda a gente sabe o que é um micro-ondas (dão lhe este nome não por acaso) e, provavelmente tem um em casa e, provavelmente até já testemunhou, uma ou outra vez, uma breve redução no sinal Wi-Fi do router, enquanto está a aquecer o  jantar ou a cozinhá-lo. Isto acontece porque o magnetrão existente no micro-ondas, pode emitir uma frequência muito próxima da usada pelo Wi-Fi, a uma potencia bastante elevada, para conseguir cozinhar. No entanto, há décadas que ninguém abandona, a correr para longe, a cozinha, preocupado com os efeitos nefastos de estar próximo de tal fonte de radiação, quando o usa diariamente. Mas, tambem ninguém cola a cabeça, á parede interior, dentro da caixa do micro-ondas, enquanto ele está em funcionamento.

A potencia é sempre um factor a ter em conta, é certo mas, a proximidade com a fonte da radiação, não é menos causadora de preocupação.

Vejo muitas pessoas preocupadas em desligar insistentemente o router Wi-Fi, que está sossegado numa mesa a metros de distancia, enquanto seguram tranquilamente um smartphone, encostado a cabeça, em alegre conversa, durante horas a fio, e muito raramente o abandonam durante as 24 horas do dia.

 

Atentamente,

Reputação 6
Crachá +10

Para quem tiver curiosidade aqui fica um quadro elucidativo do espectro eletromagnético e das frequências em uso pelas várias tecnologias de comunicação. Não existe nenhum tão bom como este em português, facto que lamento, desde já

 

 

Atentamente,.