Pergunta

Fraude de roaming de dados móveis

  • 22 Julho 2019
  • 3 respostas
  • 142 visualizações

No dia 20 de Julho de 2019 recebi uma SMS da Meo a dizer, "Atingiu EUR 40,40 em tráfego dados..." quando viajava no Canadá. Nesse dia fiz um Telefona para um número local e recebi logo de seguida uma SMS com o custo da chamada, que foi 3,98 s/ IVA e até aí tudo certo. Umas horas depois recebi a SMS dos 40,40€. Eu sempre tive o cuidado de não ligar os dados móveis e muito mais cuidado em manter desativado o roaming de dados móveis. Chego à conclusão que isto só pode ser um acto fraudulento da parte da operadora Meo porque já vi que tem acontecido com outros clientes. Exigo que no mínimo me seja facultado as provas de dados móveis terem passado pela operadora canadiana e exatamente que IP me enviou 5,7MB (fazendo a conta aos 40,40€, e cada 100KB custarem 0,70€). Gostava de saber se a entidade reguladora das telecomunicações não pode pedir um rastreio da utilização destes dados que alegam terem sido consumidos. Obrigado em avanço.

3 respostas

Os clientes adquirem equipamentos com suporte 4G/LTE mas desconhecem as características inerentes à tecnologia.
Já alertei aqui no fórum que, de forma a evitar taxação de dados, devem alterar o modo de rede para uma das gerações anteriores.
Se não têm pacote de dados devem fazer o mesmo em Portugal, a MEO nem usa VoLTE portanto não se justifica ter o equipamento no modo de rede de quarta geração.
Acredito que se sinta defraudado mas não é vítima de fraude.
Boas Mike, agora estou mesmo intrigado. Como é possível consumir dados móveis se eu os tenho desligados? Seja qual for a tecnologia H+/3G/4G/4G+ para o qual o telefone tem suporte, com os dados desligados é que nem que o diabo espirre, não pode haver tráfego. E volto a sublinhar que fora da Europa com o roaming de dados desligados também não pode haver tráfego. Peço desculpa mas não entendo o que está a tentar dizer com o "desconhecimento das características inerentes à tecnologias". Aqui não há por onde fugir, dados desligados, zero tráfego.
Essa premissa é para usar com o operador por via de reclamação.
Apenas pretendi, na qualidade de cliente, transmitir informação para não ter esse tipo de surpresa.

(....)
não há por onde fugir, dados desligados, zero tráfego.

Responder